quinta-feira, 3 de julho de 2014

PRO PAZ INTEGRADO em Barcarena, a poucos passos da realidade.





O Secretário Municipal de Planejamento  de Barcarena Alberto Góes recepcionou na manhã desta quinta-feira 03/07, o Arquiteto da Polícia Civil do Pará Marco Aurélio, e a coordenadora do núcleo do Pro Paz/Belém Débora Silva.

A dupla veio conhecer os espaços disponíveis pelo município para implantação do Pro Paz Integrado, e do Polo do Pro Paz.







A visita técnica para “conhecimento de espaços”  atende uma solicitação do Secretário de Segurança Pública do Estado Dr. Luiz Fernandes Rocha, que comprometeu-se tanto com o prefeito Antônio Carlos Vilaça, quanto com o conselho dos direitos da mulher e da coordenadoria de politicas para as mulheres de implantar ainda este ano, este importante e necessário serviço em Barcarena.







Na visita de hoje, foram apresentados tanto prédios do município que necessitam de adaptação, quanto prédios pertencentes ao governo do Estado. 

Conforme nos falou em maio por celular o Secretário de Segurança Pública, afirmou que este prédio servirá para o  atendimento de crianças, adolescentes e mulheres vítimas de violência.




Além do Secretário de Planejamento Alberto Góes, acompanharam a visita dos técnicos do Governo do Estado, a Coordenadoria de Politicas para as Mulheres e o Conselho dos Direitos da Mulher de Barcarena.


Em Abril a  Coordenadoria de Politicas para as Mulheres, Conselho dos Direitos da Mulher (Cmdm Barcarena) e a Secretaria de Assistência Social de Barcarena foram recebidas por  Luiz Fernandes, na pauta da reunião estava o pedido da Implantação da Delegacia Especializada da Mulher – DEAM, ou o PRO PAZ INTEGRADO.

Visita em Maio/2014

Para reforçar o pedido  as mulheres apresentaram  ao Secretário de Segurança Pública, dados referente a rede de atendimento a mulheres, foi informado que Barcarena não possui órgãos exclusivos que atendam mulheres vítimas de violência doméstica, sexual ou tráfico humano, relatamos também da dificuldade para registrar-se um simples Boletim de Ocorrência Policial, visto que, as mulheres vão às delegacias comuns, não existe Instituto Médico Legal na cidade, onde as mesmas precisam se deslocar para outros municípios como Belém ou Abaetetuba. Além disso, o secretário foi lembrado que Barcarena é apontada como rota de tráfico humano pela pesquisa 'ENAFRON DIAGNÓSTICOS SOBRE TRÁFICO HUMANO' do Ministério da Justiça, demonstrando a necessidade de implantação do Pro Paz Integrado.


Fruto do compromisso do Secretário de Segurança Pública, alguns dias após esta reunião, Barcarena recebeu a Visita Técnica da delegada Silvia Andreia e Luis Freire da Secretaria de Segurança Pública do Pará, na pauta estava a Violência Doméstica contra Mulher e a importância da Delegacia da Mulher e Propaz Integrado na cidade.


Arquivo/Maio2014


O PRO PAZ INTEGRADO

É um projeto de combate a violência contra crianças, adolescentes e mulheres vítimas de abuso e exploração sexual, onde através da integração dos serviços médico, psicossocial, de defesa social e perícia, promove o atendimento integral, interdisciplinar e de qualidade as vitimas e suas famílias em um só espaço. O formato implantado pelo Governo do Estado se tornou referência nacional, de acordo com o Ministério da Saúde.

O programa oferece acolhimento psicossocial especializado; Garante os direitos básicos relacionados à saúde física, emocional, mental e reprodutiva; Previne DSTs/AIDS e gravidez decorrente de estupro, através de medidas profiláticas, nos casos detectados até 72 horas; também interrompe a gravidez decorrente de Violência Sexual, conforme a legislação.
A implantação do projeto vem ajudando a reduzir a revitimização, a superação dos traumas das vítimas e suas familiares, e incentivando a importância de denunciar, hoje a média de atendimento é de cerca de seis casos por dia, em cada unidade do projeto.

O Pro Paz Integrado funciona através de uma rede de enfrentamento, em parceria com vários órgãos governamentais e não governamentais.



Conheça mais sobre:








Fotos do blog/Carlos Baía.

Nenhum comentário: